Bruxismo: o que é, causas e tratamento

Publicado por:  Aline O. de Almeida

Bruxismo é uma palavra um pouco estranha, concorda? E suas causas são ainda mais desagradáveis, quer saber mais?

Neste texto preparamos algumas informações importantes sobre o que é, as causas e o tratamento desse problema que atinge jovens e adultos, aqui você saberá os principais pontos desse mal.

A melhor maneira de enfrentarmos uma doença ou um mal é buscando informações e adotando medidas de prevenção.

Então, se você quer entender mais sobre o bruxismo, leia este texto até o fim. Nele você encontrará as seguintes informações:

  • O que é
  • Os sintomas
  • Bruxismo e suas consequências
  • Como tratar

O que é bruxismo

bruxismo é uma palavra que descreve o ato de apertar ou ranger os dentes, que pode ocorrer por vontade própria, quando alguém tem uma mania de pressionar os dentes, ou de modo involuntário.

A forma involuntária ocorre, normalmente, durante o sono: enquanto dorme a pessoa força os dentes e causa algumas consequências ruins, trataremos delas mais abaixo.

O bruxismo durante o sono é chamado de parassonia e segundo pesquisas realizadas pela Revista Neurociências, este problema ocorre com frequência semelhante entre os dois sexos, porém são mais comuns entre jovens e crianças.

Causas do bruxismo

O bruxismo está ligado a alguns fatores, separamos os mais frequentes, mas não quer dizer que se a pessoa apresenta um desses fatores ela sofra com o bruxismo. Confira:

  • doença de Parkinson
  • doença de Huntington
  • discinesia oral tardia (movimentos involuntários)
  • psicológicos (estresse e ansiedade)
  • maloclusão dentária
  • fatores ocupacionais (esportes de competição).
  • uso de álcool
  • cafeína em excesso
  • drogas como cocaína, anfetamina, ecstasy e outras
  • medicamentos antipsicóticos
  • antidepressivos

Além disso, fumantes apresentam duas vezes mais chances de desenvolver o problema, então já sabe o que fazer, certo?

Então, o bruxismo em si não é uma doença, mas ele pode ser o sinal de alguns problemas e também pode causar alguns, entre eles os de saúde bucal são os mais visíveis.

Confira abaixo alguns sinais e sintomas do bruxismo.

Os sinais e os sintomas do bruxismo

Sabemos que o bruxismo pode ajudar a causar algumas doenças, principalmente as bucais como a maloclusão. Então, é preciso ter atenção aos seus sinais e aos sintomas. Os principais são:

  • ruído característico de ranger dos dentes
  • desgaste dentário
  • dor ou hipersensibilidade dental ao frio, ou quente
  • sonolência diurna
  • má qualidade do sono
  • cefaleias e enxaquecas
  • dor de garganta
  • sudorese (muito suor) excessiva durante o sono
  • pesadelos
  • palpitações
  • interrupção do sono com taquicardia
  • gengivite

Os sintomas acima estão relacionados diretamente aos pacientes que já tem o bruxismo. Eles foram encontrados com certa frequência, mas não quer dizer que o hábito de ranger os dentes provocará tudo isso.

Algumas pessoas podem apresentar mais ou menos sintomas, que podem ocorrer durante o dia ou à noite.

Como tratar

As dores, a hipersensibilidade dos dentes ao frio e ao quente, e o desgaste dentário fazem com que as pessoas busquem tratamento odontológico.

Além da irritação dos dentes dos que sofrem de bruxismo, é possível que haja também trincas e fraturas tanto nos dentes como nas restaurações.

Por isso, uma das opções de tratamento é o uso de placas de proteção dental para alívio das dores e que evita o desgaste dos dentes.

Como as causas desse mal podem ser tão diversas não é possível determinar um tratamento específico, mas 2 aspectos são importantes para estabelecê-lo, veja:

  • O primeiro estamos fazendo aqui: informar sobre os problemas que a prática de ranger e apertar dos dentes podem causar.
  • O segundo é restaurar a função da articulação da mandíbula, decisão que deve ser tomada pelo médico dentista, além disso, verificar se a prática está relacionada a outros problemas.

Porém, algumas medidas podem ser tomadas pela própria pessoa que tem o bruxismo como:

  • evitar estresse e ansiedade: realizando atividades de lazer e física moderada como caminhada, hidroginástica e prática de esportes
  • controle do bruxismo: isso pode ser feito por meio de lembretes e pelo auxílio de amigos e familiares
  • melhorar a qualidade do sono: basta estabelecer um horário para dormir e acordar, manter a regularidade, preparar um ambiente sem luz e barulho, não usar o celular na cama, evitar bebida alcoólica ou energéticos.
  • evitar o uso de tabaco
  • tratamento dentário: o tratamento odontológico é importante para melhoria do bem-estar do paciente, com restaurações dos dentes desgastados, correção da maloclusão e até o uso de aparelhos ortodônticos.
  • terapia de suporte: relaxamento para diminuição da dor e uso de calor para reduzir os sintomas musculares, aplicação de toxina botulínica para alívio da tensão muscular da mastigação, o uso da ozônio terapia como tratamento anti-inflamatório e alívio das dores musculares e também o uso de acupuntura que tem efeito anestésico local e central, tem ação anti-inflamatória e melhora a defesa imunológica.

Por último, o tratamento médico pode, dependendo da gravidade do bruxismo, recomendar o uso de medicamentos com relaxantes musculares, analgésicos e anti-inflamatório.

Porém o mais importante de todas as dicas é: procure ajuda médica e faça o tratamento dos problemas relacionados, seja dental ou outros.

Nós recebemos alguns pacientes com bruxismo, então, já estamos habituados a lidar com isso, se for o seu caso, marque uma consulta conosco para avaliação, basta clicar aqui.


Comentarios

#bruxismo #odontologia #dentista #odonto #implante #odontologiaespecializada #toxinabotulinica #bichectomia #odontolove #doresfaciais #prevençãobucal #bucomaxilofacial #perfeição #sliming #apertamentodental #masseterbotox #sorrisosaudável #harmonizacaoorofacial

Nos envie uma mensagem