Cárie dental: a doença bucal mais comum no Brasil

Publicado por:  Leonardo Lima

A cárie dental é a doença bucal mais comum no Brasil, porém não é só isso, de acordo a Organização Mundial de Saúde (OMS), ela é a segunda doença mais comum do mundo perdendo apenas para a gripe.

O público mais atingido pela doença são as crianças no período escolar e por ser uma doença que pode apodrecer os dentes, deixando-os pretos, muitas vezes causa dificuldades de convívio social.

A OMS recomenda que as crianças com 5 ou 6 anos de idade, a depender de seu início no ensino fundamental, sejam examinadas por um dentista para verificar como está a saúde bucal e se há alguma cárie. A troca de dentição nessa faixa etária pode facilitar os registros de cárie ou trauma nos dentes.

E hoje, obter o diagnóstico de uma cárie dental e tratá-la adequadamente é relativamente fácil, basta consultar um profissional de odontologia e ele prosseguirá com o tratamento.

E para saber como é simples, neste texto, nós explicaremos tudo sobre o que é e como tratar essa doença tão comum. Para melhorar sua experiência de leitura, este artigo está dividido nos seguintes tópicos:

  1. O que é cárie dental?
  2. Sintomas
  3. O que fazer para evitar a cárie dental?
  4. Como tratá-la?
  5. Por que ela é a segunda doença mais comum no mundo?
  6. Cárie dental e sua relação com outras doenças bucais
  7. Conclusão

Cárie dental: a doença bucal mais comum no Brasil

O que é cárie dental?

A cárie dental é uma doença infecciosa, ou seja, não é hereditária e nem transmissível: consegue uma cárie quem possui maus hábitos em relação à saúde bucal. E ela progride de maneira lenta, vai corroendo os dentes aos poucos até que destrói totalmente a arcada dentária.

A cárie causa uma dor insuportável quando em estado avançado. Mais abaixo abordaremos seus sintomas. Por enquanto, vamos ver 3 tipos de cárie.

3 tipos de cárie

  1. Cárie coronária: esse é o mais comum dos tipos de cárie dental. A coronária aparece em crianças, adultos e idosos, instalando-se logo na superfície dos dentes ou entre eles;
  2. cárie radicular: essa é comum em pessoas de meia-idade e idosos. Conforme vamos envelhecendo ocorre a retração gengival, ou seja, a gengiva vai se retraindo e dessa forma a raiz fica exposta. Com isso, os dentes ficam frágeis e facilitam algumas doenças bucais;
  3. cárie recorrente: a recorrência acontece em situações em que a pessoa fez um tratamento de uma cárie dental, mas os maus hábitos com a saúde bucal fazem ela retornar.

Os cuidados contra a cárie devem ser feitos diariamente e mais de uma vez por dia, além de afetar nossa saúde bucal e incomodar muito com suas dores, a cárie dentária pode atingir a nossa autoestima, afinal, ninguém gosta de aparecer com um dente visivelmente corroído por aí, não é?

Por isso, a ida frequente ao dentista é muito importante, a cárie se espalha de forma lenta, então só chega a um estado bem avançado quem não faz check-ups. Logo, ir ao dentista deve ser um hábito, assim como:

  • escovar os dentes no mínimo 3 vezes ao dia;
  • escovar depois das refeições;
  • utilizar fio dental;
  • fazer uso de enxaguante bucal.

Se seguir corretamente estes passos, diariamente, você diminuirá, ou até mesmo eliminará, as possibilidades de adquirir a maioria das doenças bucais que conhecemos.

Os públicos mais propícios a serem infectados pela cárie dental, por causa dos maus hábitos, são as crianças. Eles tendem a esquecer com frequência os cuidados diários com a saúde bucal, afinal, brincar para eles é o mais importante.

Mas é claro que os adultos não estão livres. Além disso, há chances de adquirirem, em idade adulta, uma doença chamada xerostomia, ela causa boca seca devido à falta de produção de saliva. Esta doença provoca o surgimento de cárie de maneira mais recorrente.

Agora, vamos aos sintomas da cárie dental. Destacamos o que se manifestam antes que a raiz dentária seja corroída, confira.

Sintomas da cárie dental

A cárie dental e seus sintomas são facilmente percebidos pela dor de dente, é a partir dela que algumas pessoas correm rapidamente para um consultório de dentista.

Esse é um dos sintomas mais comuns. Mas temos outros que vão te ajudar a correr para o dentista mais próximo, veja:

  1. sensibilidade nos dentes também é outro motivo para se preocupar, tendo em vista que este é um sintoma bem comum da cárie dental e costuma aparecer sempre nestas situações;
  2. uma cor diferente nos dentes, em sua superfície, uma cor marrom ou até mesmo preta, isso pode ser cárie dental;
  3. gengiva inchada e dolorida é um outro sintoma comum de quem está infeccionado pela cárie dental, visto que os dentes amolecem ou ficam podres e acabam estragando a raiz.

Se estiver sentindo algum desses sintomas, visite um profissional da odontologia para obter um diagnóstico completo e detalhado, afinal, pode não ser somente uma cárie dentária, há outras doenças que ou evoluem da cárie, ou têm sintomas parecidos.

Agora, saiba a seguir como evitar a cárie dental.

Cárie dental: a doença bucal mais comum no Brasil

O que fazer para evitar a cárie?

A cárie dental deve ser evitada a qualquer custo, visto que é a doença bucal mais comum no Brasil. Assim, exercitar o autocontrole para diminuir o consumo de alimentos que afetem a saúde bucal é um bom começo. E é por aí que podemos evitá-la, veja algumas dicas:

  • primeiro passo é diminuir o consumo de alimentos com açúcar e carboidratos, eles têm muita glicose e podem gerar o acúmulo de bactérias;
  • beber muita água para estimular a produção de saliva, já que diminui os riscos de se adquirir cárie dental;
  • utilize os passos que já citamos neste texto para manter a higiene bucal em dia;
  • use cremes dentais com óleo ozonizado, ou que combatem os tártaros. Elas vão ajudar muito na hora de prevenir a cárie dental.

As dicas não param por aí. Um dos maiores combatentes dessa doença, tanto na prevenção, quanto no tratamento são os alimentos “detergentes”, ou seja, alimentos que atuam como limpadores, confira mais detalhes logo abaixo:

Alimentos que combatem e previnem a cárie dental

Acredite se quiser, há diversos alimentos que ajudam no combate a cárie dental e fazem parte de uma dieta para evitar a infecção. Estes ingredientes podem ser a solução para evitar que crianças desenvolvam a doença. É importante salientar que além de combater doenças bucais, estes alimentos são saudáveis.

De uma vez só você evita a cárie e ainda tem uma alimentação saudável, então veja abaixo quais são eles:

  1. alimentos fibrosos: saladas, pepino, salsão, tomate e cenoura são exemplos de alimentos que vão diminuir as chances dos ácidos de atacar a sua arcada dentária;
  2. proteína: a proteína também protege muito os dentes, utilize alimentos como: atum, ovo cozido, queijo e outros.
  3. frutas: doces industrializados ou caseiros são muito ruins para a saúde bucal, é por isso que você deve substituir eles por frutas! As frutas são excelentes para limpar os dentes, como: maçã, banana e outras;

Seguindo uma dieta com base nesses alimentos, você terá uma alimentação saudável e ainda combaterá diversos tipos de doença bucal, incluindo a cárie dental.

Como tratar a cárie dental?

Para iniciar qualquer tipo de tratamento na medicina em geral, é necessário fazer diversos exames clínicos e obter diagnósticos de especialistas, seja na odontologia ou qualquer outra área.

Sendo assim, o tratamento da cárie dental se inicia com os exames de detecção da doença. O odontologista vai iniciar o diagnóstico para ver se é possível restaurar a saúde daquele dente, você fará exames para saber em qual fase se encontra: estágio inicial, intermediário ou avançado.

No estágio inicial ainda é possível exercer um tipo de tratamento que combata a infecção, este tratamento é feito com aplicações de flúor e com a colaboração do paciente na higienização correta dos dentes e da boca.

Por serem apenas manchas pequenas na superfície do dente, muitas pessoas podem não achar a cárie dental algo grave, porém ela corrói o dente por dentro até apodrecê-lo, desta maneira, o nível da cárie vai indo para o intermediário.

No nível intermediário vai ser necessário restaurar o dente, aplicando um tratamento de retirada da infecção e restaurando parte do dente para que ele não fique feio e desprotegido.

Por fim, o nível avançado demanda um tratamento de canal, neste é necessário a realização de blocos, ou coroas para limpar o dente e depois é inserida a resina.

Estes modelos de tratamento são necessários para impedir a infecção por completo dos dentes em relação à cárie dental. Por esses motivos, a prevenção da doença é o melhor tipo de tratamento que você pode fazer, afinal, é saudável e não causa nenhum tipo de consequência.

Agora você já sabe o porquê da cárie ser a doença bucal mais comum no mundo: ela não é tão perceptível, é causada por alimentos e maus hábitos do dia a dia.

Cárie dental: a doença bucal mais comum no Brasil

Por que a cárie é a segunda doença mais comum no mundo?

Ter uma saúde bucal adequada impede que nós tenhamos diversos tipos de doença em nossa vida, visto que a boca é uma região que tem contato com muitas coisas ao longo da vida.

Pela boca passam alimentos, talheres, mãos e ainda outras coisas, não é mesmo? Então, por isso e outros fatores, a cárie dental se tornou a segunda doença mais comum do mundo, vamos ver alguns destes fatores? Confira:

  • o principal fator são os maus hábitos em relação à saúde bucal, a necessidade de se aplicar a escovação ao menos 3 vezes ao dia é fundamental para diminuir os riscos. A maioria das pessoas não têm esse hábito e acaba por aumentar a incidência da cárie dental;
  • o segundo fator mais comum é a falta de uso dos fios dentais, o costume de usar o palito de dente em vez de um fio dental é um erro grave, tendo em vista que o palito de dente não faz a limpeza entre os dentes como o fio dental e ainda retira o esmalte que os protege;
  • a alimentação pode ser a vilã, e não só na saúde bucal: a taxa de obesidade presente no mundo atual corresponde atualmente a 2 bilhões de pessoas com sobrepeso. Isso é quase 1 terço de toda a população mundial, alimentos gordurosos, ácidos e que possuem muito açúcar e carboidrato são os maiores perigos contra os dentes;
  • consumo de alimentos ácidos, a moda de ser fitness está provocando um consumo exacerbado de alimentos ácidos, ou seja, muita vitamina C em isotônicos para regular os níveis de sais minerais podem causar vários problemas físicos como: pedra nos rins, cárie dentária e outros.

O importante é que se faça o consumo destes produtos e outros tipos de alimento de forma moderada e regulada, consulte um nutricionista para ver a dieta ideal para o seu organismo.

Você sabia que a cárie dental pode estar vinculada a outras doenças bucais também? Veja quais são elas:

Cárie dental e sua relação com outras doenças bucais

A cárie dental pode acarretar em geração de outras doenças bucais, como a periodontite, ou até mesmo o câncer de boca. A periodontite é uma inflamação gengival que pode afetar até a raiz dentária, causando muitas dores e prejudicando o ligamento periodontal entre a gengiva e os dentes.

Ela é uma evolução da gengivite e a melhor solução para evitá-la é a higienização bucal e, claro, a consulta regular ao dentista.

E o câncer de boca é provocada pelo tabagismo, alcoolismo, higiene bucal inadequada e outras infecções, e uma dessas infecções é a cárie dental. Uma dieta pobre em minerais e vitaminas também são um fator que provoca o câncer de boca, veja aqui 6 informações sobre o câncer de boca que você deve saber.

Não é que a cárie dentária vai causar essas doenças, porém pode ser o princípio delas, afinal, ela mostra o nível de higiene inadequado com a saúde bucal, o que pode provocar a proliferação de células malignas.

Estas células malignas eventualmente podem causar um tumor. Consultar um odontologista é essencial para prevenir essas doenças.

Conclusão

A cárie dental é uma doença comum no Brasil e no mundo porque atinge pessoas de qualquer idade, e como se trata de uma infecção só os bons hábitos com a higiene bucal podem evitá-la.

E claro, além do hábito, o acompanhamento do dentista então agende uma consulta e veja como está a saúde dos seus dentes.


Comentarios

cárie dental cárie dentária cárie doença doença comum Brasil brasil

Nos envie uma mensagem