Laser e LED. Rejuvenescimento e prevenção com Fotomodulação

Publicado por:  Autor Desconhecido

A FOTOMODULAÇÃO com LASER  e LED é um procedimento de fototerapia muito difundido pela Europa e Estados Unidos. Trata-se de uma reação fotoquímica que produz efeitos estéticos imediatos no tratamento antienvelhecimento.

Atualmente é a solução mais completa de fototerapia mundial com excelente desempenho no tratamento de acne, manchas na pele, olheiras, marcas de expressão, rejuvenescimento, hidratação dos tecidos, iluminação facial, clareamento (facial, axilas e virilha), efeito reparador do colágeno, drenagem linfática, gordura localizada, celulite e estrias.

É um tratamento estético não invasivo indolor, seguro e eficaz. Tem ação antioxidante, despigmentante, anti-bactericidade e anti-inflamatória, além do efeito tensor e clareador.

Este equipamento é composto por sistema híbrido LED/Laser. Os LEDs emitem comprimento de onda típico em azul (470nm) e âmbar (590nm). Os diodos LASER emitem comprimento de onda vermelho (660 nm) e infravermelho (808nm).  

O laser vermelho estimula as mitocôndrias, aumentando assim a atividade celular proporcionando sua multiplicação. Tem efeito anti-inflamatório e anestésico.

O laser infravermelho aumenta o calor havendo uma retração imediata, estimulando a colagênese (em menor grau que a radiofrequência). Tem efeito anti-inflamatório e analgésico.

O led Âmbar confere ao rosto uma expressão saudável como se tivessem recebido uma leve radiação do sol da manhã de um dia de temperatura suave. Portanto também estimula colágeno. As fibras de colágeno que se apresentam adensadas, ao receber a luz âmbar, o receptor enzimático libera íons que aderem imediatamente à membrana citoplasmática das células, criando um efeito de espessamento não térmico das fibras de colágeno.

O led azul: tem efeito bactericida, tensor, iluminador e hidratação tecidual.

https://drive.google.com/file/d/0B8mqyi4qTqx9LTYtZWVEbVNBNFE/edit

A luz led azul pode ser utilizada no tratamento de acne, pois tem função altamente bactericida, eliminando algumas bactérias que causam acne; promove intensa hidratação da pele e também auxilia no clareamento de manchas mais superficiais e olheiras.

Luz led âmbar: utilizada no tratamento de flacidez da pele porque estimula o metabolismo do fibroblasto, célula responsável em produzir colágeno e também atenua o espessamento do colágeno mais velho presente na pele.

Luz laser vermelho: utilizada no tratamento da acne por ser altamente cicatrizante, melhora o aporte sanguíneo para o local da lesão controlando o processo inflamatório e as fases da cicatrização, atua no metabolismo do colágeno auxiliando no tratamento de linhas e marcas de expressão da pele, evita quelóide nos tratamentos pós-cirurgia plástica.

Luz laser infravermelha: utilizada no tratamento de revitalização da pele por estímulo de colágeno, fortalece o sistema imunológico no local do tratamento, auxilia na penetração de cosméticos devido aumentar a permeabilidade da membrana celular.

Indicação: acne, manchas na pele, olheiras, marcas de expressão, rejuvenescimento, hidratação dos tecidos, iluminação facial, clareamento (facial, axilas e virilha), efeito reparador do colágeno, drenagem linfática, gordura localizada, celulite e estrias.

Contraindicação: gravidez, tumores malignos no local da aplicação da luz, sobre a glândula tireoide, glaucoma, dermatoses por fotossensibilidade e pacientes submetidos a tratamentos com ácido retinóico (derivados da vitamina A), como por exemplo roacutan, retin A, retinol A, vitanol A, tretinoína, isotretinoína e antibióticos a base de tetraciclina.

É um tratamento rápido, eficaz e com bom custo-benefício.  O número de sessões varia de acordo com a complexidade da patologia da pele. Antes de iniciar o tratamento é necessário passar por uma avaliação com o terapeuta.

[ BelaClin - Clínica Multidisciplinar ] 
www.belaclin.com.br


Comentarios


Nos envie uma mensagem